Conteúdos de mídia programática
Native Ads em um notebook.

Descubra o que são e quais as principais vantagens dos Native Ads

Os Native Ads, ou publicidade native, é uma modalidade de anúncio digital que não segue os modelos publicitários padronizados da Web. Ele é mostrado como um conteúdo relevante próprio de portais, blogs, apps e sites. O maior benefício dele é não prejudicar a experiência do usuário (UX) com anúncios intrusivos ou descontextualizados.

O aporte de capitais em publicidade digital vem crescendo ano após ano. Segundo o estudo Digital Ad Spend 2018, divulgado pelo Interactive Advertising Bureau (IAB), os investimentos no setor em 2017 no Brasil foram de R$ 14,8 Bilhões, um crescimento de 25,4% com relação a 2016. Desse montante, cerca de RS 3,3 Bilhões (22,5%) foram investidos em Mídia Programática, com foco em rede de display.

Contudo, além dos formatos considerados “tradicionais” na publicidade digital, existem ainda muitas outras formas de compra de mídia. Todavia não tão exploradas, elas podem representar alternativas eficazes, de acordo com a estratégia e os objetivos de campanha adotados.

É aí que entram os Natives Ads, ou publicidade nativa. Ela comporta-se como um conteúdo de sites, apps, portais e blogs, melhorando a navegação e experiência do usuário (UX). Quer saber quais as principais vantagens deles para suas campanhas? Continue lendo e descubra!

O que são os Native Ads?

Os Native Ads, ou publicidade nativa, são uma modalidade de anúncio digital que não seguem os modelos publicitários padronizados da Web, como os formatos de peças da IAB. Sua principal característica é ser exibido como um elemento complementar do conteúdo de portais, blogs, apps e sites.

Portanto, tais anúncios são apresentados como oferecimento de um conteúdo complementar dentro do próprio site, com linguagem e aparência similar. Em geral, eles aparecem no meio de artigos e notícias de portais, em barras laterais ou feeds na homepage.

Normalmente, os Ads que geram mais engajamento e resultado estão localizados ao final da página do artigo. Todavia, os inseridos no meio do conteúdo também funcionam, principalmente em dispositivos mobile (smartphones, tablets, etc).

Diferentemente dos banners de display, utiliza-se esse formato em vários targets de campanha, como na geração de leads. Além disso, em campanhas de reconhecimento de marca (Brand Awareness), vendas, clique para o site, inscrições e subscrições, dentre outras.

Principais vantagens dos Natives Ads

O maior benefício da publicidade nativa é não prejudicar a navegação e experiência do usuário com anúncios intrusivos ou descontextualizados. Ela é usada de forma mais efetiva em casos nos quais não foram feitas pesquisas ou o consumidor não conhece um determinado assunto ou produto.

Então, veicular seus anúncios em portais nos quais o usuário já está engajado, contextualizando-o com o conteúdo abordado na página, aumenta o fator de interesse dele pela oferta, consequentemente, a possibilidade de uma conversão.

Estudos da My6sense, publicados no site Media Post, mostram que criativos de Native Ads podem engajar e ter CTRs (taxas de clique) 10x maiores que outros formatos. Projeções mostram que até o ano 2020, esse formato de anúncio concentrará cerca de 30% do investimento em publicidade digital no mundo. Veja outras vantagens:

  • a publicidade nativa é vista com 53% mais frequência que os display ads e geram um CTR 60% maior;
  • esses Ads geram um aumento na intenção de compra de cerca de 18%;
  • os anúncios nativos também podem ajudar a gerar mais reconhecimento para uma marca em até 82%.

Planeje sua campanha com Native Ads

No planejamento de qualquer campanha, dois pontos principais necessitam ser definidos: seus objetivos e o público que deseja atingir. Portanto, assim será possível criar anúncios e conteúdos que sejam relevantes à sua persona. Isso pode interferir diretamente, de forma positiva ou negativa, em seus resultados. Entre alguns dos principais objetivos que podem ser estabelecidos estão:

  • geração de tráfego ao seu site: gerado via anúncios em grandes portais com muitos acessos;
  • aumento no número de conversões: geração leads, inscrições de newsletter e download de materiais, dentre outros;
  • Brand Awareness: um tipo de campanha no qual o número de cliques no criativo ou tráfego para o site podem não ser tão importantes quanto o total de impressões.

Segmentando suas campanhas

Além de influenciar positivamente na experiência do usuário com os conteúdos dos sites e anúncios, e gerar mais engajamento que outros formatos de publicidade, os Native Ads, associados com a Mídia Programática, podem ser veiculados por meio de  diversas segmentações de campanhas digitais. Aqui vamos citar algumas delas.

Segmentação por camadas

A programática pode melhorar sua campanha por meio da segmentação inteligente do público usando a disposição de dados. O objetivo é identificar os usuários que se encaixam na sua persona alvo e remover aqueles que não se encaixam. Vamos considerar este exemplo: você deseja segmentar pessoas que estejam procurando por uma cama pequena.

A Primeira Camada de Dados segmenta a população de usuários. Com isso, identifica pessoas que são pais (responsáveis), com base em dados demográficos e aplicativos em seus dispositivos. A segunda camada de dados pode procurar identificar pais que demonstraram interesse em explorar móveis para crianças pequenas. Isso pode ser feito observando o histórico de pesquisa, o conteúdo contextual e o histórico de localização física. A terceira pode ser composta por usuários que já visualizaram produtos específicos (camas de bebês) em um site de móveis. Com essa informação, filtra-se o público-alvo ideal e veiculam-se ofertas para a loja física mais próxima.

Geotargeting

Essa estratégia é adequada se você deseja oferecer seu produto ou serviço a pessoas em uma determinada localização geográfica. Esse recorte pode levar em consideração vários níveis, desde países e estados, até localizações mais específicas, com raios e distâncias máximas demarcadas.

Com essas informações precisas, as marcas podem colocar anúncios hiper-localizados no feed do usuário para atender às suas preferências. Os anunciantes podem segmentar aqueles que estão dentro do perímetro de seus locais de loja, veiculando anúncios específicos de produtos ou promoções na loja.

Retargeting

Use estratégias de Retargeting para reimpactar usuários que já acessaram seus canais (blogs ou sites) ou clientes que já realizaram compras na sua empresa. O grande benefício de impactar esses clientes com novos anúncios é o aumento da capacidade de direcionamento do conteúdo da oferta.

Isso acontece, pois, esse consumidor já é sensível a marca ou produto oferecido. Portanto, com essas informações já coletadas sobre ele anteriormente, é mais provável veicular ofertas que mais interessem a ele, aumentando a possibilidade de fechamento de compra.

Anúncios direcionados

Atualmente, as principais marcas estão utilizando a programática para anúncios de venda cada vez mais direcionados e precisos. Com os chamados Real Time Data, ou dados em tempo real, é possível ajustar campanhas que atendam às necessidades do consumidor naquele momento, baseando-se em cruzamentos diversos, como a localização geográfica, informações meteorológicas ou o período do dia. Uma dessas estratégias é o Geoaware.

Esse direcionamento cruza a localização, comportamento e histórico de consumo dos clientes. Com essa informação, as marcas podem aumentar a personalização das campanhas, comunicar ofertas altamente direcionadas e sugestões de compras aos clientes, enquanto eles estão em uma posição ideal para comprar.

Por exemplo, se uma loja de departamentos que fazer uma promoção em um dia chuvoso, ela pode veicular anúncios de guarda-chuvas ou roupas de frio a consumidores de um determinado local. Caso esteja fazendo sol, a mesma loja pode fazer criar anúncios de roupas leves, na mesma localidade.

Para entender melhor esses recortes de audiência e as possibilidades de segmentação em campanhas de Native Ads, conheça o nosso minicurso gratuito “Audiência Geolocalizada” e descubra outras estratégias que utilizam ferramentas de geolocation!

Add comment